quinta-feira, 25 de setembro de 2008

Talvez o topo...


Como pode um sujeito que nem eu se atrever a falar de amor, se nem mesmo chorar consegue. Talvez não esteja necessariamente ligado uma coisa a outra, até porque, tristeza não combina muito com amor. Mas se chora é porque ama. E se não chora ? não ama ?
É mais uma daquelas coisas que há mil formas diferentes. Existe amor de filho pra pai e mãe, o primeiro a se aprender, mesmo os que não tem, há uma figura no lugar que ama como se fosse. Existe também o amor aos amigos, entre irmãos. Há pouquíssimas coisas mais importante que isso. Tem o amor a coisas materiais o que nos remete ao amor a algum momento ou pessoa que aquele objeto possa lembrar.
É uma coisa que está todos os dias e todo o tempo com a gente, e vai estar até o fim da vida.
Mas se agente parar pra pensa que quando crescemos estamos sempre atrás do grande amor da nossa vida, seria o amor o ponto mais alto da vida, a essência de viver ? A razão de estarmos aqui, o topo da vida, e quando você chega ao topo e olha para todos lá em baixo está preso nele para sempre, pois se tentar mover-se, você cai, você cai. Pois não é só porque você ama alguém, que esse alguém tem que te amar da mesma forma. É bom amar, só que ser amado talvez mostre que amar sozinho não basta.
Então a gente vai vivendo. E o que espera do amor ? Bom... cultive os que você já tem, não é uma coisa que se encontre na esquina. E se ele é o topo da vida ? Bom... quando você chega no final, vai saber!

7 comentários:

elielson disse...

Ahuaha
Bom texto sempre e pertinente falar de amor.
Agora resta saber que tipo de amor cultivamos, que tipo de amor almejamos e se fale realmente apenas chegar la no topo?
Talves ficar nas tentativas seja mais saboroso.
Afinal ninguém gosta de ficar preso ou cair la de cima aahua


Abraço

Ps. Começo blog beim =)

ana claudia disse...

ai axai muito dahora,Pv não hé dakeles que fala d amor maiis agora me surpriendi.. Paulo Victor Tuh ta De Parabéns.. muito Lindo esse Texto..


beijinhOs da Luuh Mota :)

Diego disse...

Muito bom texto, e como disse o amigo aí é sempre bom falar do amor, e o melhor, é sempre bom ter um amor nas nossas vidas.
Parabéns pelo texto.

NaNá disse...

é Pvvv
seu textoo dizzz tudooo
gikoo otimooo
gosteii mtuu
beijoss
;*

fernanda disse...

LiindoO adoreii ...nossa priimo isso saiiu de vc...ushuahsua...nem parecee...BjOo;**

Jéssica Bittencourt disse...

Nossa, realmente esse texo ficou ótiimo..
E fica a dúvida néah?
Será que o topo da vida é o seu grande amor?
Acho que uma boa resposta seria o seguinte, ao invés de vc olhar pra baixo e ficar só olhando as pessoas, tente fazer com que elas, consigam chegar até o topo tbm, para que todos juntos venham atingir o topo da vida..
E quanto ao cair, se realmente for o topo, será um local seguro, onde a pessoa que te levou até lá, estara sempre contigo, te segurando para que não caia!
Bom, pelo menos eu penso assim!
Bjs P.V!

Marcilene disse...

Bom cultive os que você já tem, não é uma coisa que se encontre na esquina. E se ele é o topo da vida ? Bom quando você chega no final, vai saber!"

bjusss...